Bahia registra 64 casos confirmados de Guillain-Barré, aponta Sesab

03/12/2015 12:48
Bahia registra 64 casos confirmados de Guillain-Barré, aponta Sesab
Foto: Fapesb
O número de casos confirmados da Síndrome de Guillain-Barré na Bahia já chega a 64, informou nesta quarta-feira (2) a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab). Os dois primeiros registros foram feitos em junho e uma mulher de 26 anos morreu vítima da doença. Agora, o número mais que dobrou: há cinco meses, eram apenas 29 ocorrências. A Síndrome de Guillain-Barré é uma doença neurológica, até então rara, que causa fraqueza e paralisia dos músculos, o que pode levar à morte. Após o surto do Zika Vírus, contudo, o número de registros cresceu rapidamente. "Esse problema está relacionado ao Zika Vírus. Quanto a isso, não temos nenhuma dúvida. A gente tinha levantado essa suspeita pela relação temporal das duas doenças, mas isso já foi confirmado com pesquisas recentes feitas pela Fiocruz [Fundação Oswaldo Cruz]. A gente, no entanto, não sabe ainda como isso ocorre. Ou seja, não tem como saber se uma pessoa que teve Zika terá a Guillain-Barré", explicou a infectologista Ceuci Nunes ao G1. Segundo a Sesab, a síndrome começou no estado justamente após o surto de Zika.
 
www.chorrochoonline.com
Informação entretenimento cultura e política
Fonte: Bahia Notícias

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!