Belém do São Francisco-PE: acaba protesto na rodovia da morte, BR 316 foi liberada para o tráfego de veículos.

08/11/2013 18:14

 

 Acabou protesto na rodovia da morte, BR 316 foi liberada para o tráfego de veículos, protesto aconteceu nas imediações da curva do Riacho Pequeno.
O protesto que estava marcado para as 08h:00 da manhã desta sexta-feira (08) terminou começando por volta das 09h:30min quando as primeiras pessoas começaram a chegar a rodovia BR 316 a altura do km 236 nas imediações da curva do Riacho Pequeno, no mesmo local onde semana passada mais uma acidente aconteceu deixando as vidas de quatro pessoas de uma só família, todos moradores de Belém do São Francisco.

 O movimento foi organizado pelo Diretório Acadêmico Licínio Lustosa tendo a frente o seu presidente, professor Zé Paulo que convocou os acadêmicos da FACESF (Faculdade de Ciências Humanas e Exatas do Sertão do São Francisco, um movimento organizado e ordeiro, tudo aconteceu em clima de absoluta calma, paz.
Ao longo dos anos mais de 30 pessoas já morreram vitimadas por acidentes nas pontes estreitas e na curva do Riacho Pequeno, as condições de tráfego na estrada é altamente perigosa e as autoridades nunca tomaram uma providência, prefeitos belemitas, deputados estaduais, federais, todos já fizeram seus apelos ao DNER, hoje DENIT, e até o momento tudo  fica na promessa.
Acadêmicos e pessoas da comunidade, através de um carro do som cedido para cobertura do protesto, faziam suas cobranças ao governo federal para que este tomasse as medidas cabíveis, o motivo da paralisação que fechou por toda a manhã a rodovia, foi o acidente da semana passada, os belemitas, com apoio das autoridades querem de imediato o alargamento das pontes.

No local, a Imprensa belemita, de Cabrobó, TV Grande Rio e blogs da região deram cobertura ao fato. O blog  do Didi Galvão, de Cabrobó esteve também dando cobertura em tempo real, Belém do São Francisco está grata aos companheiros profissionais da Imprensa regional. Presentes, Dr. Ricardo Torres, o ex-prefeito João Licínio. ex-vereador Joselito Nogueira,
Ficam as perguntas:
Quantos já morreram em acidentes por causa dessas pontes estreitas? Quantas vidas mais serão necessárias para as autoridades tomarem providências?
O povo de Belém do São Francisco cansou de esperar, com uma faixa onde estava escrito “A luta que virou Luto”, dizia a faixa em letras letras.

 

                                                WWW.CHORROCHOONLINE.COM
                                           com informações Izaurino Brasil/Blog Barra fuxico


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!