CHEFE DE POLÍCIA DAS FILIPINAS INCENTIVA USUÁRIOS DE DROGA A MATAR TRAFICANTES

30/08/2016 21:45


 

O chefe de polícia das Filipinas incentivou os usuários de drogas a matar os traficantes e queimar suas casas, em uma nova escalada na guerra contra o tráfico iniciada pelo presidente Rodrigo Duterte, que já custou 2.000 vidas. "Por que não visitam, despejam gasolina em suas casas e colocam fogo para mostrar sua raiva?", afirmou Ronald dela Rosa em um discurso transmitido pela televisão nesta sexta-feira (26). 
Não foi a primeira vez em que Dela Rosa defendeu a ação.
 
Na quinta-feira (25), ele disse a centenas de viciados na região central das Filipinas: "Eles estão desfrutando de seu dinheiro, o dinheiro que destrói seus cérebros. Vocês sabem quem são os senhores da droga. Vocês querem matá-los? Vão em frente. Matem-os porque vocês são as vítimas". Alvo de críticas, Dela Rosa teve que se desculpar nesta sexta pelos comentários. 
 
Sua posição, porém, reflete um passo a frente nas orientações impostas por Duterte, que despertaram a preocupação das Nações Unidas e de organizações de direitos humanos. O presidente das Filipinas chegou ao poder em maio e prometeu matar dezenas de milhares de criminosos com o objetivo de eliminar as drogas ilegais no país em seis meses. 
 
(Informações: Folha de São Paulo)

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!