Estagiário é investigado por roubar armas de delegacia para vender

15/07/2015 21:07
Estagiário é investigado por roubar armas de delegacia para vender
Foto: Reprodução/ Sobrevivencialismo
Um estagiário de Direito, da 22ª Delegacia Territorial (DT/Simões Filho) é investigado por roubar armas da delegacia com o propósito de vendê-las. O delegado titular, Rogério Pereira Ribeiro, disse que o rapaz confessou o crime após se apresentar na unidade acompanhado do advogado, depois que a polícia sentiu falta das armas e passou a suspeitar do roubo. Segundo informou o Correio, as duas armas, um revólver e uma pistola, estavam na casa do jovem. "Está tendo uma auditoria para ver se ele subtraiu outras armas e as vendeu", acrescentou o delegado. O estudante confirmou o rouo em depoimento à Polícia Civil, entretanto, a suspeita da intenção da venda ainda está sendo investigada pela polícia. As armas apreendidas pela polícia em inquéritos e outras ações policiais são mantidas em uma sala própria da 22ª DT, que fica trancada. O modo como o estagiário teve acesso ao local ainda não foi determinado. O estudante confessou também que o roubo do revólver e da pistola aconteceu há cerca de 15 dias. As armas recuperadas pela polícia foram encaminhadas à perícia. O rapaz estagiava na delegacia há 10 meses, mora em Simões Filho e faz faculdade em Lauro de Freitas. Por enquanto, o suspeito responde em liberdade por ter se apresentado espontaneamente e não ter havido flagrante, mas a polícia já entrou com um pedido de prisão preventiva. Fonte BN

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!