MPF requisita estudo da Ponte Metálica de Paulo Afonso e cobra explicações do DNIT sobre situação precária da BR-110

12/03/2013 19:00

A ponte é responsável pela ligação dos municípios de Paulo Afonso/BA e Delmiro Gouveia/AL.

 

Crédito: Reprodução

Ponte Metálica Dom Pedro II

 

O Ministério Público Federal (MPF) em Paulo Afonso/BA requisitou ao Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) o estudo do valor histórico, cultural e paisagístico da Ponte Dom Pedro II, como patrimônio histórico nacional, para fins de tombamento, conforme o Decreto-Lei nº 25, de 30 de novembro de 1937.

A ponte foi construída na década de 50, toda em metal e está encravada no canyon do Rio São Francisco, sendo responsável pela ligação dos municípios de Paulo Afonso/BA e Delmiro Gouveia/AL.

O MPF também quer informações sobre a precária situação do trecho da BR 110, próximo à Ponte Metálica Dom Pedro II

O Ministério Público Federal (MPF) em Paulo Afonso/BA também cobrou do Departamento de Infraestrutura de Transportes do Estado da Bahia (DNIT) informações sobre o andamento dos serviços de conservação e recuperação da BR 116/BA (trecho: PE/BA – Divisa BA/MG), iniciados em julho do ano passado.

O MPF também quer informações sobre a precária situação do trecho da BR 110, conhecido como Ponte Metálica Dom Pedro II, que é responsável pela ligação entre os municípios de Paulo Afonso/BA e Delmiro Gouveia/AL.

As informações vão subsidiar um inquérito civil que tramita no MPF em Paulo Afonso sobre o assunto.

 

Redação do chorrochoonline.com

Fonte: Ozildo alves


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!