Mudança para receber pensão por morte começa a valer no dia 14

13/01/2015 21:45

Outras regras só vão mudar na prática no dia 28 de fevereiro, no dia 1º de março e 1º de abril

Segundo as novas regras, só terá direito ao benefício o cônjuge que comprovar pelo menos dois anos do relacionamento estável/Record Minas

As mudanças anunciadas pelo governo federal, no fim do ano passado, sobre cinco benefícios previdenciários e trabalhistas vão entrar em vigor em datas diferentes. Muitas mudanças já estão valendo, mas outras vão entrar em vigor em datas diferentes.

Na próxima quarta-feira (14), por exemplo, já será exigido o período mínimo do casamento ou união estável para receber a pensão por morte.

De acordo com as novas regras, só terá direito ao benefício o cônjuge que comprovar pelo menos dois anos do relacionamento estável. Por enquanto, não há tempo mínimo para solicitar a pensão em caso de morte.

No dia 1º de março, começa a valer o período mínimo de contribuição do segurado para que os dependentes tenham direito à pensão, o novo cálculo do valor da pensão (de até 50% da média salarial), o fim da pensão para viúvas com menos de 44 anos.

Também entram em vigor, nessa data, as mudanças no auxílio-doença: a empresa pagará por até um mês de afastamento do funcionário (e só após o 31º dia o benefício será pago pelo INSS) e o valor do auxílio não será maior do que a média dos salários que o trabalhador recebeu nos últimos 12 meses anteriores.

Já no dia 1º de abril, acontecerão as mudanças do abono salarial e do seguro-desemprego.

Confira todas as alterações abaixo.

www.chorrochoonline.com

Informação entretenimento cultura e política

Fonte: http://noticias.r7.com/economia/mudanca-para-receber-pensao-por-morte-

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!