Naufrágio na costa egípcia deixa mais de 400 imigrantes desaparecidos

21/09/2016 21:57
Naufrágio na costa egípcia deixa mais de 400 imigrantes desaparecidos
Foto: Winkler / Bundeswehr
Mais de 400 pessoas estão desaparecidas após um naufrágio que levava 600 imigrantes nesta quarta-feira (21). O incidente ocorreu perto de Rosetta, no norte do Egito. Já foi constatada a morte de 29 pessoas, e outras 150 foram resgatadas. As autoridades informaram que a embarcação levava sírios, egípcios e outros imigrantes africanos. Entre os mortos, estão pelo menos dez mulheres e duas crianças. Segundo o jornal O Globo, o Alto Comissariado das Nações Unidas para os Refugiados (Acnur) afirmou nesta terça-feira que mais de 300 mil migrantes e refugiados cruzaram o Mediterrâneo a caminho da Europa desde o início de 2016. O Acnur informou ainda que 3.211 pessoas morreram ou foram consideradas desaparecidas desde janeiro no Mediterrâneo. "Neste ritmo, 2016 será o ano mais letal para o mar Mediterrâneo", declarou William Spindler, porta-voz do Acnur em Genebra.

Fonte: BN


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!