OMS revela que Brasil convive com desilgualdade na assistência à saúde

11/11/2013 17:40

 

O país tem 81,4 profissionais de saúde por 10 mil habitantes, muito acima das metas da Organização Mundial da Saúde, mas há uma grande desigualdade entre regiões. Estudo da agência das Nações Unidas revela que, embora a média nacional seja 17,6 médicos por 10 mil habitantes, a densidade varia entre 40,9 médicos por 10 mil habitantes no Rio de Janeiro e 7,1 médicos por 10 mil habitantes no Maranhão. No relatório Uma Verdade Universal: Não Há Saúde sem Profissionais, a OMS destaca o Programa Mais Médicos como iniciativa que busca reduzir essa disparidade

 

 www.chorrochoonline.com

CONECANDO VOCÊ ATÉ A NOTÍCIA

Fonte: Agência Brasil


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!