Polícia continua as buscas para localizar assaltantes dos bancos em Inajá, no Sertão pernambucano

03/07/2014 12:35
A Polícia Militar continua as buscas para localizar os envolvidos no assalto a duas agências bancárias ocorrida no município de Inajá, no Sertão de Pernambuco, durante a madrugada desta quarta-feira (02). Na investida criminosa, o 3º sargento Anderson de Oliveira Souza, de 32 anos, foi morto a tiros e o soldado Luiz Sales de Oliveira Alves, 40, ficou ferido. Este último foi alvejado com disparos que acertaram as costas, a perna direita e o ombro. 
 
As diligências envolvem integrantes da 4ª Companhia Independente de Polícia Militar (CIPM) em Petrolândia, com apoio da 1ª CIPM de Belém do São Francisco, Companhia Independente de Operações e Sobrevivência na Área de Caatinga (CIOSAC) e de policiais de Alagoas. Em nota, a polícia faz um apelo à população sobre a importância do repasse de informações ao Disque-Denúncia que ajudem na localização dos criminosos. Os telefones são (81) 3719-4545 (Agreste) ou 3421-9595. De acordo com a polícia, a investida envolveu pelo menos 10 criminosos.
 
Ainda de acordo com a Polícia Militar, a equipe foi emboscada pelos assaltantes a cerca de 300 metros das agências, onde foi recebida a tiros. A viatura que transportava os PMs foi atingida por vários disparos de armas de grosso calibre, como fuzil e pistolas. O sargento foi socorrido de imediato pelos outrosagentes de segurança, porém veio a óbito no caminho para o Hospital Regional de Arcoverde, também no Sertão.
 
O soldado ferido na ocorrência foi transferido ao Centro Médico Hospitalar (CMH) da Corporação, onde passou por avaliação de uma equipe médica. Em nota, a PM informou que um dos projeteis de grosso calibre que o atingiu nas costas, transfixou o colete à prova de balas e a munição ficou alojada em seu abdômen. Ele encontra-se com seu quadro de saúde estável e consciente, segundo informações da polícia.
 
 
Na corporação há nove anos, a vítima falecida foi promovida ao posto de 3º sargento há um ano. O policial deixa esposa e três filhos na faixa etária dos 13 aos dois anos de idade. O corpo do sargento foi transferido para o IML no Recife. O Centro de Assistência Social da PMPE foi acionado para prestar auxílio à família, através de uma equipe multidisciplinar composta por psicólogos e assistentes sociais. (JC/G1)
 
www.chorrochoonline.com
Informação Entretenimento e Cultura

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!