Polícia Federal desarticula organização criminosa com atuação em Conceição do Coité, Tucano e Serrinha

15/02/2016 13:38
2
Foto: Divulgação/PF
A Polícia Federal (PF), juntamente com a Polícia Civil e Militar, desencadeou na manhã desta sexta-feira (12), a Operação Sertão Livre, que visa desarticular organização criminosa com forte atuação em cidades do Sertão da Bahia. Ao todo foram realizadas 21 prisões nas cidades de Feira de Santana, Ribeira do Pombal, Tucano, Paulo Afonso e Serrinha. Segundo a PF, a estrutura da organização foi identificada com base em informações obtidas por investigações realizadas há mais de dois anos. Ainda de acordo com a corporação, a organização é comandada por um traficante integrante da Facção Katiara, preso numa operação que ocorreu no dia 28 de janeiro deste ano, em um condomínio de classe média, na cidade de Aracajú (SE).
1
Foto: Divulgação/PF
Segundo a PF, a quadrilha é responsável por levar medo e terror às cidades de Ribeira do Pombal, Tucano, Euclides da Cunha, Conceição do Coité, dentre outras da região. A fim de manter seu território, o grupo praticava diversos crimes, entre os quais se destacam roubos de veículos e motos, assassinato de rivais, assaltos a estabelecimentos comerciais e tráfico de armas e munições. Durante as ações da polícia, foram realizadas diversas prisões em flagrante de integrantes da organização criminosa, culminando com a apreensão de grande quantidade de entorpecente. Dentre elas, destacam-se as prisões ocorridas no dia 26 de janeiro último, em um sítio no município de São Gonçalo dos Campos, onde foram presos os principais fornecedores de entorpecentes, com cerca de 80 kg de cocaína e aproximadamente R$ 30 mil. Os envolvidos serão indiciados por tráfico de drogas, associação para o crime, porte ilegal de armas, roubo e homicídio. (Ferraz e o Povo)

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!