Política: Prefeito de Curaçá demite 800 servidores contratados temporariamente

05/08/2013 13:13

Com a queda na receita do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) e do ICMS – Imposto sobre Operações relativas à Circulação de Mercadorias e Prestação de Serviços, o prefeito de Curaçá, Carlinhos Brandão (PPS), assinou sexta-feira (02) com vigência a partir desta segunda-feira (05) a demissão de 800 trabalhadores contratados temporariamente.

Ao se reunir recentemente com os prefeitos do Norte da Bahia que adotaram a mesma posição, Carlinhos Brandão falou da necessidade das demissões dos contratados no quadro de Curaçá. “O nosso sentimento é de tristeza, mas necessitamos fazer as demissões dos contratados. Precisamos baixar o custo na folha de pagamento, essa é uma medida adotada para não atrasar salários”, lamentou.

A Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) estabelece que o gasto com pessoal não pode exceder 54% da receita corrente líquida nos municípios. Se essa atitude não for tomada agora, os prefeitos podem ficar sem recursos para a folha de pagamento do mês de agosto.

 

www.chorrochoonline.com

CONECTADO COM VOCÊ

Fonte: Blog do Geraldo José


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!