Política: Reforma ministerial deve sair em março

17/02/2013 10:11

                                                      

A presidente Dilma Rousseff vai deixar para março a reforma ministerial planejada desde as eleições municipais de outubro. Segundo a Folha, ela espera a pacificação do PMDB na Câmara, dividido depois das disputas para a presidência da Casa e liderança do partido, quer aguardar a entrada oficial do PSD na base aliada e avançar nas negociações com lideranças descontentes do PR e PDT. O PR considera o Ministério dos Transportes cota pessoal de Dilma e não reconhece no ministro Paulo Sérgio Passos um representante do partido. Com o PDT, as dificuldades são maiores por causa da divisão interna da sigla em torno dos nomes do presidente da sigla Carlos Lupi e do ministro do Trabalho, Brizola Neto. Apesar do aumento do poder de barganha do PMDB, as fontes citadas pela Folha não confirmam que o espaço do partido na Esplanada irá crescer. Já o PSD deve ocupar as pastas da Aviação Civil e o novo Ministério das Micro e Pequenas Empresas.


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!