POPULAÇÃO FAZ A PERGUNTA: Por que Salvador se tornou tão violenta (TF)

25/07/2016 16:47
Está dando medo sair em Salvador diante de tantos assaltos e roubos na cidade. Veja nosso comentário.
 
 MIUDINHAS GLOBAIS:
 
   1. Uma pergunta recorrente em Salvador com bastante intensidade nos últimos dias, já objeto de comentário neste site, é por que a capital baiana se tornou uma cidade tão violenta se não era assim nos anos 1970/1980/1990? 
 
   2. Hoje, a situação está tão grave que está dando medo ir a um restaurante, a um salão de beleza, viajar de ônibus, ir a padaria, etc, situações corriqueiras em qualquer cidade. O Mariposa já foi assaltado várias vezes; o Apipão, idem; na sexta uma pessoa morreu em tiroteio dentro de um ônibus; e um salão de beleza assaltado no Itaigara.
 
   3. São apenas alguns exemplos no que se passa na cidade do Salvador cuja população é majoritariamente negro-mestiça 85% (15% de negros e 70% de pardos na mistura do europeu, o tupinambá e o africano) com matrilinea afro-baiana. E é exatamente esse pessoal que mais morre no que alguns politicos consideram um genocídio da juventude negra baiana, uma vez que, em média 20/30 pessoas são assassinadas nos finais de semana em homicidios.
 
   4. O vereador Gilmar Santiago, PT, negro, defende a tese de que "a solução para o problema da violência que atinge o povo negro é atingir um novo padrão de desenvolvimento econômico e social capaz de reduzir a desigualdade e promover a ascensão social de parcelas cada vez maiores da população negra.
 
   5. "Principalmente da juventude negra, que sofre com o genocídio resultante da desigualdade e da exclusão por conta do racismo, principal elemento estruturador dessa desigualdade", complementa.
 
    6. Segundo Gilmar, para impulsionar esse processo é preciso construir mecanismos participativos, onde cada vez mais negras e negros comprometidos com essa agenda de transformações assumam postos e espaços representativos nos círculos de poder, principalmente no Parlamento e no Executivo (prefeitos, governadores, presidente).
 
   7. No caso de Salvador, há um contingente de negros-mestiços da ordem de 2 milhões e 500 mil pessoas, quase a população do Uruguai. Desse contingente, uma parcela expressiva está na faixa de renda de 1 a 4 salários minimos, entre a linha da pobreza e a classe C emergente. Muita coisa já melhorou, mas ainda falta muito. Há dezenas de programas sociais nos três níveis - município, estado e governo federal - e se não fosse esse 'guarda-chuva' a situação seria bem pior.
 
   8. Outra pergunta que também se faz muito é se a pobreza justiça a violência? Por que comunidades pobres como em Bogotá, no Colômbia, na cidade do México, não sofre desse problema tão grave quanto Salvador? E na periferia de Mumbai, na Índia, não existe essa violência tão arraigada.
 
   9. Aí entram as componentes culturais e ações governamentais. Nas questões culturais, o colonizador brasileiro foi um dos mais perversos e ainda hoje alguns dirigentes agem nesse sentido. E nas ações governamentais elas são mínimas e a cidade segue numa permissividade que impressiona qualquer técnico em comportamento humano nas grandes cidades. 
 
   10. Londres, que tem padrão primeiro mundo, não vende bebidas alcoólicas nos mercados, etc, nos domingos a partir 14h. Em Montreal, Canadá, para se comprar uma garrafa de uisque, tem que assinar um documento e se identificar.
 
   11. Em Salvador, menores compram bebidas alcoólicas, os bares e restaurantes funcionam sem horários pré-estabelecidos, mija-se nas ruas, nas praias vende-se bebidas alcoólicas até nas noites e tudo é permitido em festas. Resultado: nos finais de semana, duas dezenas de mortos. Muitas delas, relacionadas a esse aspecto.
 
   12. Medelim, Colômbia, acabou com essa bagunça e os indices de violência despencaram; Guarulhos, em SP, idem. Em Seul, Coréia do Sul, o Departamento de Trânsito contratou serviços de terceiros (fotógrafos) para flagar os irresponsáveis no trânsito. Aqui, na saída da praia, 90% dos motoristas beberam. 
 
   13. Então, como não dá pra implantar medidas como as desejas por Gilmar, a curto e médio prazos, e muitas delas estão em curso com ensinamentos am empreendedorismo, treinamento e orientação do Sebare, etc, está na hora de controlar mais a permissividade. 
                                                                               *****
   14. A Prefeitura de Candeias vem, através desta nota, esclarecer que a presença da Polícia Federal na cidade tem como objetivo apurar casos de fraude na Secretaria de Saúde, na gestão do prefeito afastado Sargento Francisco. A investigação apura superfaturamento, atraso e paralisação de seis unidades básicas de saúde e por isso estão sob investigação da CGU (Controladoria Geral da União), Polícia Federal e Ministério Público Federal na Bahia (MPF-BA).
 
   15. Reiteramos ainda, que lamentamos profundamente o caso. Faz-se necessário deixar claro que a atual gestão do prefeito Bom Jorge, não compactua com os crimes que estão sendo investigados. E, acima de tudo, se coloca à disposição para colaborar com as investigações, cedendo todos e quaisquer documentos e provas necessárias para o esclarecimento das questões abordadas no processo.
 
   16. O pré-candidato a prefeito Fernando Gomes (DEM) considera importante contar com o apoio do prefeito ACM Neto para a formação de uma chapa vitoriosa em Itabuna. “Neto é um político que tem nas veias o sangue de vencedor como foi o seu avô ACM”, afirma Gomes, assinalando a admiração que tinha pelo velho ACM que sempre cumpriu os acordos firmados com ele.
 
   17. “Nosso objetivo é encontrar o melhor caminho para garantir o pleno funcionamento da Osba”. A afirmação foi feita pelo secretário estadual de Cultura, Jorge Portugal, referindo-se à Orquestra Sinfônica da Bahia. Portugal recebeu a determinação do governador Rui Costa de organizar uma reunião com os representantes da Osba. 
 
   18. Para o secretário, a decisão do governador reflete o posicionamento do Estado em relação ao investimento na cultura. “Há poucos dias, [foram] lançados os editais de cultura, que somam R$ 40 milhões para projetos em diversas linguagens. A Osba é um patrimônio do estado, e temos que assegurar que esse projeto se mantenha forte. O governador reconhece a importância da orquestra, e não vai poupar esforços", afirmou o secretário.
 
   19. O novo secretário estadual do Turismo, José Alves, presidente da Associação Brasileira de Agências de Viagens na Bahia (Abav), afirmou estar preocupado com as obras de recuperação do Centro de Convenções. A previsão da conclusão das intervenções é em novembro, quando o equipamento vai receber o XVII Congresso Internacional de Odontologia, evento considerado importante para o trade turístico.
 
   20. Esse deve ser um dos assuntos na pauta da conversa entre José Alves e o governador Rui Costa (PT), na segunda-feira, 25, para traçar as diretrizes da pasta. O novo secretário teve a nomeação publicada neste sábado, 23, no Diário Oficial do Estado, que também traz a exoneração do ex-titular da pasta, Nelson Pelegrino (PT), que retorna a Brasília para ocupar sua vaga na Câmara dos Deputados.
 
   21. O que se comenta no meio político é que Pelegrino perdeu a queda-de-braço com Marcos Medrado.
 
   22.  Para atender a demanda dos moradores de Ribeira do Pombal e dos habitantes dos outros cinco municípios da região, o novo Ponto Cidadão terá capacidade de realizar cerca de 5.500 atendimentos por mês. 
 
   23. A unidade poderá emitir mensalmente até 1.100 cédulas de identidades, 660 carteiras de trabalho e 660 CPFs. Também terá a possibilidade de expedir 660 certidões negativas de antecedentes criminais e prestar 660 atendimentos previdenciários mensalmente. Posteriormente ainda serão agregados os serviços de Seguro Desemprego e Intermediação para o Trabalho, com a previsão de oferta de 1.760 atendimentos.
 
   24. A unidade está localizada na Praça Getúlio Vargas, no Centro de Ribeiro do Pombal, município que fica a 271 km de Salvador. O Ponto funcionará diariamente das 7 horas às 13h, de segunda à sexta-feira. As instalações possuem 213 metros quadrados de área construída, climatizada, com 9 guinches de atendimento e área de espera. A equipe contará com 14 funcionários capacitados para prestar atendimento da Secretaria do Trabalho (Setre), da Previdência Estadual (Ceprev) e da Secretaria da Segurança Pública. 
 
www.chorrochoonline.com
Fonte: Aja Bahia

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!