REPORTAGEM ESPECIAL: FEIRA LIVRE DE CHORROCHÓ-BAHIA

22/10/2015 15:24
A feira livre de Chorrochó  é uma das mais antigas da região e começou através de Antônio Conselheiro que construiu a majestosa Igreja e muitos aventureiros vieram para a  cidade e começou a se formar uma feira livre que atraia diversas pessoas de toda a região.
 
A feira livre de Chorrochó tem nomes conhecidos, um dos primeiros camelôs a armar barraca em feira livre de Chorrochó foi o Sr. Conhecido pelo nome de Temperal, o mesmo esteve conversando com a equipe do Chorrochoonline durante a feira de ontem dia (21), Temperal falou que já tem mais de cinqüenta anos que é camelô em Chorrochó e o mesmo disse que antigamente podia dormir no meio da rua com um saco de dinheiro, e hoje se mostrar uma nota de R$ 50,00 ta ferrado, os caras vão esperar na estrada. O mesmo quando perguntado sobre a situação atual? Disse que mesmo diante das crise está tudo bem.
 
O filho de Temperal também seguiu os passos do pai e vende tempero a mais de vinte anos nas feiras feira da região, o mesmo relatou ao Chorrochoonline que a crise é geral, as feiras estão cada dia que passa mais fracas, tanto em Chorrochó, Rodelas ou Abaré a situação é a mesma.
 
O feirante vendedor de queijo em feira livre relata que mesmo quase sem vender nada ,não reclama  muito da situação, “que jeito não posso fazer nada nas cidades de pequeno porte a situação é a mesma” relatou o mesmo.
 
As bancas de verduras diante da crise e a concorrência baixaram o preço das frutas e muitos lançaram até promoções de frutas e verduras, cada um usa suas estratégias, tem feirante que prefere vender frutas e verduras ao lado do Banco da cidade que é menos concorrido, alguns vendedores de verduras que tem horta e produz por conta própria conseguem ter um preço mais acessível e fazer um bom negócio obtendo maiores lucros.
 

O comércio da cidade anda muito maltratado, não existe nenhum plano ou investimento do município para fortalecer a economia. Alguns comerciantes também tem seus nomes marcados na história da cidade por terem trabalhado durante muitos anos no comercio, exemplo: Hermógenes Gomes de Menezes, Antônio Pacheco, Thomaz Alves de Carvalho,  Amado Machado, Silvino ex-prefeito de Macururé.  Temperal continua sua vida seguindo em frente nas feiras livres da região. 

 

www.chorrochoonline.com

Informação entretenimento cultura e política

 

 

 

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!