Saneamento Básico de Chorrochó: Funcionários da Construtora Consbrasil estão há dois meses sem receber salário, cinco meses sem cestas básicas e horas extras, resolvem entrar em greve por tempo indeterminado

09/10/2014 18:35

Segundo os funcionários a Embasa foi à empresa que repassou a obra para a Construtora CONSBRASIL por isso os funcionários resolveram procurar o escritório da embasa e decretar a greve.

CONSBRASIL esta sem pagar os funcionários a dois meses e cinco meses sem receber cestas básicas, sem reajuste de salário sem receber as horas extras e salário família diante dessa situação  os funcionários resolveram entrar em greve.

Os funcionários falaram que estão sem crédito no comércio, se falar em qual quer lugar da cidade que trabalha na empresa eles dizem que não vendem mais.

Estamos em greve, disse o funcionário que a CONSBRASIL foi embora, sumiram e nem nos deram satisfação e como a empresa desapareceu e nem deram nenhuma notícia os funcionários vieram procurar o escritório da embasa que é a empresa responsável pela fiscalização da obra.

Os grevistas disseram: a greve vai durar até ser feito os pagamentos em atraso, vamos acampar aqui no escritório,  hoje a CONSBRASIL não deve só aos funcionários não, ela deve a todos os fornecedores do município de Chorrochó tá tudo inadimplente aluguel está com seis meses sem receber escritório cantina também em atraso,  a Coelba esta prestes a cortas a energia da cantina.

Enquanto isso dois carros já caíram em bueiros no centro da cidade, os entulhos estão por toda a cidade principalmente na Rua Aureliano o calçamento esta todo destruído as pedras ainda não foram colocadas de volta, moradores vivem reclamando que é muita poeira e ainda existem bueiros mal sinalizados e buracos enormes abertos nas ruas.

 

www.chorrochoonline.com

Informação Entretenimento e Cultura


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!