Terror: Tiroteio em sede de revista deixa 12 mortos e dez feridos em Paris

07/01/2015 14:01

Um tiroteio no escritório de uma revista em Paris, na França, deixou 12 pessoas mortas e mais 10 feridas na manhã desta quarta-feira (7). A Charlie Hebdo, uma publicação satírica do país, já tinha sido alvo de um ataque em 2011, após publicar uma caricatura do profeta Maomé que ofendeu os muçulmanos. Pelo menos um jornalista da revista está entre os mortos. Três policiais e outros jornalistas também ficaram feridos durante o ataque, informou o policial Luc Poignant – quatro das dez vítimas estão em estado grave. O ataque foi feito por dois homens armados e encapuzados que entraram no hall da redação do jornal e dispararam pelo menos uma arma automática, segundo fontes citadas pelos jornais Nouvel Observateur, Libération e Le Figaro.”Cerca de meia hora atrás dois homens usando capuz escuro entraram no prédio com duas armas”, disse uma testemunha do ataque, Benoit Bringer, em entrevista à rádio France Info. Os atiradores foram vistos deixando o prédio da revista logo em seguida. O ataque foi confirmado pela prefeitura da cidade. O presidente francês, François Hollande, está no local do crime. Em um pronunciamento nesta manhã, ele definiu o tiroteio como uma ação “terrorista”. Com informações do Política Livre. (Foto: AFP).


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!