TERRORISTAS NA SÍRIA JOGAM FUTEBOL COM CABEÇAS DE CIVIS

01/01/2014 11:05
Terroristas jogando futebol cujas bolas são as cabeças dos sírios civis sírios, é o que mostra imagens de um vídeo divulgado sábado (28) em redes sociais pelos mesmos homens armados que lutam há mais de dois e meio para acabar derrubar o governo de Damasco. Este vídeo mostra as atrocidades cometidas por terroristas, em particular, o Estado Islâmico do Iraque e do Levante (EIIL) e Frente Al-Nusra contra sírios muçulmanos xiitas. Desde o início do conflito sírio, alguns países da região, como a Arábia Saudita, Qatar e outros ocidentais, incluindo os Estados Unidos e seus aliados, vem fornecendo apoio tanto financeiro quanto logístico a grupos armados para derrubar o governo de Bashar al-Asad. Na semana passada, o ministro do Exterior russo Sergey Lavrov afirmou que os países ocidentais já admitem que a permanência de Bashar al-Assad no poder na Síria é muito mais conveniente do que os terroristas que estão no país a lutar para lhe tirar do poder. Anteriormente, Michael Hayden, ex-chefe da Agência Central de Inteligência (CIA) e da Agência de Segurança Nacional (NSA), nos Estados Unidos, disse que a melhor opção para acabar com a crise na Síria, seria a vitória do governo sírio, e não mais acredita em um triunfo dos terroristas. Esses comentários mostram uma mudança política na postura do Ocidente sobre a crise síria, porque esses países já fizeram pressão para derrubar Al-Assad do poder. A consultoria britânica de defesa IHS Jane revelou em setembro passado que cerca de 100 000 terroristas apoiados por países ocidentais e da região, organizados em mais de mil grupos terroristas realizam hoje operações em território sírio onde lutam contra o governo e a nação. Desde meados de março de 2011, a Síria é palco de revoltas desenvolvidas por grupos terroristas, financiado e dirigido a partir de alguns países ocidentais e vários da região, com o objetivo de derrubar o governo. Segundo a Organização das Nações Unidas (ONU), mais de 115 000 pessoas morreram e um total de 7,8 milhões pessoas foram deslocadas pela violência na Síria. 
Da redação do Irã News com Hispan TV
 
www.chorrochoonline.com
CONECTADO COM VOCÊ
Fonte: Blog do Geraldo José

Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!