ÚLTIMAS INFORMAÇÕES DA TELEXFREE' DOMINGO, 30/06/2013. VEJA TAMBÉM DIVULGADORES FAZEM PROTESTO EM TODO O PAIS. CONFIRA:

30/06/2013 17:39

Últimas Informações da 'Telexfree':Domingo, 30/06/2013

Protesto em diversas cidade Feira de santana, Natal, Maceio, Recife, Acre, Bahia, BR's, avenida, na frente da Rede Globo em diversos outros lugares

 

Muita polêmica ainda sobre a suspensão e as investigações sobre a Telexfree.Relacionei aqui matérias de diversos  site, que dão as últimas notícias sobre um dos assuntos mais comentados do país nos últimos dias.Confira:

 



Telexfree faz nova tentativa de derrubar liminar que bloqueia pagamentos 

Os advogados da Telexfree, suspeita de ser uma pirâmide financeira, apresentaram nesta sexta-feira (29) recurso contra a decisão que, no último dia 24, manteve suspensos os pagamentos e cadastros de novos colaboradores . O pedido pode ser analisado na segunda-feira (1º) pela 2º Câmara Cível do Tribunal de Justiça do Acre (TJ-AC).

"Apresentamos um agravo de instrumento que deverá ser analisado já na primeira sessão da Câmara [ que ocorre na segunda-feira ]", disse ao iG Horst Fuchs, um dos advogados da empresa.

O recurso é a segunda tentativa da defesa de derrubar a liminar obtida no dia 18 de junho pelo Ministério Público do Acre (MP-AC), que obrigou a Telexfree a suspender os pagamentos aos seus associados – chamados de divulgadores –, bem como o registro de novos interessados em participar da rede da empresa. Os bens de Carlos Costa e Carlos Wanzeler, sócios administradores, foram bloqueados.

Diferentemente do primeiro recurso apresentado pelos advogados, que foi analisado individualmente pelo desembargador Samoel Evangelista em 24 de junho, o atual será analisado pelo colegiado da 2ª Câmara Cível do TJ-AC. Evangelista é o presidente da câmara.

Fonte:Vitor Sorano do iG São Paulo
http://www.tribunadabahia.com.br/2013/06/29/telexfree-faz-nova-tentativa-de-derrubar-liminar-que-bloqueia-pagamentos







Juíza que bloqueou pagamento da Telexfree é ameaçada de morte




A juíza Thaís Khalil, que em 18 de junho determinou a suspensão dos pagamentos da Telexfree, está sendo ameaçada de morte. Segundo o promotor Rodrigo Curti, do Ministério Público do Acre (MP-AC), anônimos também promteram matar os filhos e o marido da juíza.
 

"Foram ameaças diretas, de morte e sequestro, por e-mail, telefone, Facebook", diz Curti, do Grupo Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do MP-AC, ao  iG . "Nós já estamos tomando todas as providências cabíveis para rastrear o autor, ou os autores, para que possam ser responsabilizados. A Justiça não vai se calar diante desses fatos."

Um inquérito policial foi aberto nesta sexta-feira (28) para apurar os crimes de coação e ameaça. Segundo Curti, as intimidações começaram no início da semana, mas ganharam força nos últimos dias, e chegaram oficialmente ao conhecimento do Gaeco na manhã desta sexta-feira (24).

A suspeita é que os responsáveis sejam divulgadores da Telexfree que temem perder o dinheiro investido no sistema, considerado uma pirâmide financeira pelo MP-AC.

Fonte:Vitor Sorano do iG São Paulo




 


 


Divulgadores da TelexFree protestam em frente à Rede Globo

Os divulgadores da TelexFree, uma empresa acusada de praticar golpes, estão revoltados com a Rede Globo em SP.

Neste sábado (29), um grupo de cerca de 200 pessoas protestou em frente à sede de SP contra uma matéria que irá ao ar neste domingo (30), no “Fantástico”.

Eles acusam a emissora de perseguição e de não saberem exatamente do que se trata a empresa. Na última sexta (28), a Justiça bloqueou os pagamentos de sócios da TelexFree em suas contas diretas, por suspeitas dela fazer a famosa “pirâmide financeira”.

Os manifestantes gritaram palavras de ordem como: “Não somos golpistas, Globo só diz mentiras”.
Protestos com o mesmo objetivo também aconteceram em outras cidades, como Feira de Santana (BA) e Natal (RN), na frente da porta de afiliadas da Globo.

A TelexFree, em seu site oficial, disse que os manifestos foram feitos espontaneamente por divulgadores e que a empresa em si não tem nada a ver com isso.

Fonte:Gabriel Vaquer do site Na Telinha

Últimas Notícias da TelexFree, 30/06/2013 – Domingo

 

Divulgadores da Telexfree protestam em Maceió contra decisão da Justiça

 

Atividades da empresa estão suspensas devido a liminar do TJ do Acre.
Eles percorreram, em carreata, avenidas da capital alagoana.

Divulgadores da empresa de marketing multinível Telexfree em Alagoas fizeram uma carreata, na manhã deste domingo (30), por ruas e avenidas de Maceió, para protestar contra a decisão do Tribunal de Justiça do Acre, que suspendeu os pagamentos e novas adesões à empresa por considerar o negócio crime contra a economia popular. Na ocasião, os manifestantes defenderam a legalidade da atividade e criticaram a cobertura da imprensa, que noticiou a decisão judicial.

Segundo o corretor Ricardo Farias, que trabalha como divulgador da Telexfree há um ano, muitas pessoas estão tendo prejuízo após a decisão da Justiça do Acre, porque alguns participantes suspenderam os pagamentos e novas adesões estão proibidas. Ele explicou que a Telexfree atua em Alagoas há 16 meses e que nunca houve problemas nesse período.

“As pessoas trabalham como divulgadores de um dos serviços que a empresa tem. Através de um site, nós aderimos a empresa como divulgadores independentes, ninguém tem autorização para representar a empresa. Todos recebem pelas postagem e existe um contrato anual. O que a empresa faz é uma remuneração pelo serviço que a pessoa presta”, explicou Farias.

Para  corretor, se a pessoa afirma que teve prejuízo é porque não cumpriu com o serviço básico que havia sido acordado em contrato. “É uma empresa que está trazendo novidade financeira para diversos profissionais e ate aposentados que recebem mensalmente. Essa suspensão está trazendo prejuízo a população porque impede que o dinheiro circule”, completou.

Divulgadores do Telexfree confeccionaram cartazes para a manifestação (Foto: Jonathan Lins/G1)
Divulgadores do Telexfree confeccionaram cartazes para a manifestação (Foto: Jonathan Lins/G1)

Segundo os divulgadores a estimativa é de que existem em Alagoas cerca de 12 mil investidores da Telexfree. Esse é o caso de Cícero José da Silva, que diz ter deixado o emprego na área de construção civil por causa do Telexfree. “Agora a empresa é minha única fonte de renda. Com o trabalho de divulgador estava conseguindo manter minha família, pagar escola dos meus filhos e plano de saúde. A empresa estava pagando a todos corretamente, mas com a suspensão não recebemos mais nada”, disse.

Cícero José da Silva deixou o emprego para ser divulgador do Telexfree (Foto: Jonathan Lins/G1)
Cícero José da Silva deixou o emprego para ser
divulgador da Telexfree (Foto: Jonathan Lins/G1)

O também divulgador Luiz Henrique Ferreira disse que a decisão judicial não tem fundamento. Segundo ele, a alegação de que a empresa trabalha com o “ganho fácil” não é verídica. “Enquanto não for comprovado que existe ilegalidade, o serviço não poderia ser suspenso. Portanto, estamos protestando para que essa liminar da Justiça seja suspensa o quanto antes”, falou.

 

 

 

30/06/2013 11h39 - Atualizado em 30/06/2013 14h21

No Recife, divulgadores da Telexfree fazem carreata e complicam trânsito

Manifestantes saíram da Avenida Caxangá, em direção a Boa Viagem.
Justiça suspendeu pagamentos e adesão de novos contratos da empresa.

 

Do G1 PE

 
214 comentários
Divulgadores da Telexfree fazem carreata no Recife (Foto: Manoel Filho / TV Globo)Carreata contra bloqueio de bens da Telexfree toma avenida no Recife (Foto: Manoel Filho / TV Globo)

Divulgadores da empresa Telexfree que atuam em Pernambuco fizeram uma carreata, na manhã deste domingo (30), contra a decisão judicial que bloqueou os bens da companhia. Os carros saíram da Avenida Caxangá, na Zona Oeste do Recife, e passaram pela Agamenon Magalhães. Na altura do Hospital Português, o trânsito ficou complicado.

Agentes da Companhia de Trânsito e Transporte Urbano (CTTU) acompanharam a manifestação, bem como alguns soldados da Polícia Militar, que não informaram a quantidade de participantes. O grupo seguiu em direção a Boa Viagem, onde ocupou a faixa da esquerda da Avenida Domingos Ferreira. De lá, houve a dispersão.

A Telexfree é suspeita de operar um esquema de pirâmide financeira utilizando como 'disfarce' um tipo de estratégia empresarial conhecido marketing multinível, quando ocorre a distribuição de bens e serviços e divulgação dos produtos por revendores independentes que faturam em cima do percentual de vendas.

"Aqui não tem ninguém insatisfeito. O pessoal da mídia quer derrubar a empresa, que está trabalhando justo, cumprindo todos os acordos, tudo à risca com os divulgadores. A gente está aqui porque nãoi tem ninguem insatisfeito, aqui é 100% satisfação", disse o contador Pedro Henrique Santos, que participou da carreata no Recife.

 

 

29/06/2013 16h13 - Atualizado em 29/06/2013 18h19

Grupo fecha rua e protesta contra suspensão da Telexfree em Natal

Divulgadores se reuniram na tarde deste sábado (29), em Candelária.
Justiça suspendeu pagamentos e adesão de novos contratos da empresa.

 

Do G1 RN

 
310 comentários
Divulgadores fecharam rua em Candelária durante protesto neste sábado (29) (Foto: Fred Carvalho/G1)Divulgadores fecharam rua em Candelária durante protesto neste sábado (29) (Foto: Fred Carvalho/G1)

Divulgadores da empresa de marketing multinível Telexfree fizeram uma manifestação na tarde deste sábado (29) em uma rua de Candelária, bairro da zona Sul de Natal. O protesto reuniu cerca de 300 pessoas e foi pacífico. Policiais militares e rodoviários federais acompanharam a movimentação.

 


Telexfree: Divulgadores protestam em Feira de Santana



Fotos: Correio Feirense

Fotos: Correio Feirense

Divulgadores da Telexfree se reuniram em frente ao prédio da TV Subaé, afiliada à Rede Globo em Feira de Santana, o segundo maior município da Bahia, na tarde deste sábado (29) em protesto pela suspensão dos pagamentos e novas adesões determinada pela Justiça. Insatisfeitos com a situação da empresa Telexfree e temendo prejuízos, milhares de pessoas fizeram a manifestação por conta de uma possível matéria que será exibida no Fantástico deste domingo (30). Um dos investidores, que preferiu não se identificar disse que investiu R$ 30 mil na empresa há três meses, diz que os divulgadores pretendem continuar com os manifestos. “Vamos fechar as ruas todos os dias até quebrar essa decisão da justiça de bloquear nossos pagamentos”, afirmou ao site Correio Feirense. Na Bahia, já aconteceram manifestações em Salvador, Ibicaraí e em Ilhéus.

DSC_2110

No último dia 18, a juíza Thaís Borges, da 2ª Vara Cível da Comarca de Rio Branco, julgou favorável a medida proposta pelo Ministério Público do Estado do Acre (MP/AC) para suspender as atividades da Telexfree. Com a decisão da juíza, foram suspensos os pagamentos e a adesão de novos contratos à empresa de marketing multinível Telexfree até o julgamento final da ação principal, sob pena de multa diária de R$ 500 mil em caso de descumprimento e de R$ 100 mil por cada novo cadastramento. A magistrada afirma que a decisão não configura o fim da empresa, apenas suspende suas atividades durante o processo investigativo.

 

Manifestantes protestam na BR-101 em Itajaí contra suspensão de empresa

Justiça do Acre concedeu liminar que suspende as atividades da Telexfree em todo o País

   
Arquivo pessoal/Arno Soares
Manifestantes ameaçam fechar a rodovia federal

Um grupo de manifestantes percorre a BR-101 em protesto contra a decisão da Justiça que suspendeu as atividades da empresa Telexfree. A intenção dos manifestantes era fechar a rodovia federal em Itajaí, nas imediações do acesso Norte, mas um acordo com a Polícia Rodoviária Federal suspendeu provisoriamente essa decisão.

 

Anunciantes do Telexfree bloqueiam ponte JK em protesto contra suspensão
A Polícia Militar foi chamada para intermediar a situação.
Gina Menezes, da Agência ContilNet

Os divulgadores acreanos da empresa Ympactus Comercial Ltda, que tem como nome fantasia Telexfree, resolveram buscar meios alternativos para resolver o impasse jurídico que resultou no impedimento de novos cadastros e movimentações financeiras da empresa em todo o país.

 

Dezenas de divulgadores, descontentes com a decisão liminar que proíbe novos cadastros e pagamentos, fecharam a rua Benjamim Constant, no cruzamento com a rua Floriano Peixoto, por volta das 16:00 horas impedindo completamente o trânsito no local. Logo em seguida, bloquearam a entrada da ponte metálica.


Dezenas de divulgadores, descontentes com a decisão liminar que proíbe novos cadastros e pagamentos, fecharam a rua Benjamim Constant/Foto: Agência ContilNet
Dezenas de divulgadores, descontentes com a decisão liminar que proíbe novos cadastros e pagamentos, fecharam a rua Benjamim Constant/Foto: Agência ContilNet

A Polícia Militar foi chamada para intermediar a situação.

 

De acordo com o tenente Brito, da Policia Militar, a atuação da PM no local tem por finalidade manter a paz entre manifestantes e os condutores que desejam passar pelo local.

 

“Viemos para manter a tranqulidade. Já estamos interditando as vias de acesso até o manifesto e queremos evitar conflito”, afirmou.

 


Para o líder da equipe Dinamite Group Acre, Josué Pacheco, o protesto tem por finalidade mostrar a indignação dos investidores da Telexfree com o bloqueio do dinheiro feito pela justiça.

 

“Somos contra a decisão da Justiça acreana. Enquanto a Polícia Federal mostrou um monte de corrupção no Acre e os envolvidos já foram soltos, a Justiça acreana decide atrapalhar a vida de trabalhadores”, declarou.

 

Josué Pacheco afirmou que possui cerca de cinco mil cadastros na rede de divulgadores que ele lidera e diz que estar confiante na decisão judicial de outras esferas.

 

O militar do Exército Leo Ramos, é outro investidor que se mostra indignado com a decisão da juíza  da 2ª Vara Cívil da Comarca de Rio Branco, Thaís Queiroz, que determinou a vedação de novos cadastros, bem como impediu que seja efetuado pagamentos aos divulgadores já cadastrados. O Militar diz que considera a decisão absurda e que ganhou com a Telexfree mais do que ganharia em 70 anos de trabalho.


 
 

domingo, 30 de junho de 2013

PROTESTO PRÓ TELEXFREE INTERDITA A BR 415 NESTE MOMENTO

 
Uma mobilização de protesto contra a interdição judicial impetrada contra a empresa “TelexFree” impede, neste exato momento, o trânsito de veículos na Rodovia Jorge Amado (BR-415), trecho que interliga as cidades de Ilhéus e Itabuna. Na mobilização, divulgadores da TelexFree exigem suspensão imediata do embargo judicial que impede a empresa de captar novos associados e proceder pagamentos.
 
Em contato com um dos líderes do protesto, Adriano Rusciolelly, o blog obteve a informação de que o protesto se iniciou por volta das 13hs, em frente à sede da TV Santa Cruz, afiliada da Rede Globo em Itabuna e que retransmite o sinal da emissora para toda a região Sul da Bahia.
 
Rusciolelly explicou que o protesto, além de reprovar a postura da Justiça do Estado do Acre, é motivado também pela falta de interesse da Rede Globo em ouvir os dois lados da história, na medida em que tenta passar uma impressão errada sobre a atuação da TelexFree. Uma reportagem será exibida no programa “Fantástico” neste domingo (30). Na reportagem, a emissora entrevista um pseudo divulgador que foi lesado pela TelexFree.
 
Adriano explica, então, que “não se pode evidenciar o trabalho de uma empresa através do depoimento de um divulgador que se diz lesado” e completa: “Queremos que a TV Santa Cruz venha nos filmar e conversar com a gente, divulgadores de verdade da TelexFree que jamais foram lesados”.
 
Sobre o embargo que aconteceu na Justiça do Acre, há alguns dias, ele explica que este é o primeiro caso na história do Brasil em que se rechaçou completamente a premissa de que todos são inocentes, até que se prove o contrário. A Justiça interditou a TelexFree antes mesmo da ação ter sido julgada.
 
O protesto conta com a participação de cerca de 100 divulgadores. Segundo a coordenação do movimento, ao observar que a TV Santa Cruz não atenderia às reivindicações, resolveram sair em passeata até a BR-415 e interditar o trânsito, que fica fechado e é liberado de 10 em 10 minutos.
 
Soldados da Polícia Militar estão acompanhando os protestos de perto, muito embora tudo indique que o movimento é pacífico e não há nenhum indício de perigo no local.
 
Soldados da Polícia Militar começam a aplicar multas nos proprietários de veículos que estão estacionados às margens da BR 415. Segundo informações que chegam na redação do blog, o objetivo é forçar o fim da manifestação.




 



 

 



 
 
 

28/06/13 - Atualizado em 28/06/13
 

Divulgadores da Telexfree fazem protesto no Iguatemi

A Justiça acriana considera que a Telexfree trabalha com formação de pirâmide financeira.

Por Pedro Ivo Sena

Divulgadores soteropolitanos da empresa de “marketing multinível” Telexfree realizam protesto nas redondezas do Iguatemi, nesta sexta-feira (28). A manifestação é contra a suspensão dos pagamentos e novas adesões à empresa, que foi determinado pela justiça do Acre. A Justiça acriana considera que a Telexfree trabalha com formação de pirâmide financeira.

Segundo o assessor parlamentar, Geovaldo Santos, que é “parceiro” da Telexfree há oito meses, os divulgadores estão sendo prejudicados pela decisão. “A empresa é legalizada, não é golpe. Recebo meu dinheiro direitinho sem ter que convidar ninguém. Apenas fazendo cinco anúncios (na internet) por dia” diz Geovaldo, que afirma ter investido R$ 3 mil na empresa, e recebe R$ 800 por mês.

O Ministério da Justiça, também nesta sexta-feira, informou que o Departamento de Proteção e Defesa do Consumidor (DPDC) da Secretaria Nacional do Consumidor abriu um processo administrativo contra a Telexfree, sob a mesma acusação de formação de pirâmide financeira.

Policiais da 35ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM) acompanham o protesto. Segundo informações da Superintendência de Trânsito e Transporte do Salvador (Transalvador), o transito não é afetado pela manifestação.

 

 


Enquanto a imprensa nacional divulga que a juíza Thaís Khalil, que em 18 de junho determinou a suspensão dos pagamentos da Telexfree, está sendo ameaçada de morte, na tarde deste sábado, 29, divulgadores do Telexfreee fizeram mais um protesto em João Pessoa.



O local da manifestação contra a liminar que bloqueou as contas da empresa, e proibiu sua atuação no Brasil, foi no cruzamento das avenidas Monsenhor Walfredo Leal e Princesa Isabel.

Segundo o líder do movimento, o divulgador José Roberto, eles desejam que os bens sejam desbloqueados para que a empresa possa pagar os mais de 1,5 milhão de filiados no país, sendo 20 mil apenas na Paraíba.

Durante o protesto foram utilizados mega fones, faixas e cartazes. "Viemos reivindicar nossos direitos. A empresa está no mercado há um ano e meio e cumpriu todas as exigências para entrar no mercado. Existe uma suposição de que é uma pirâmide financeira, mas antes de se ter realmente a comprovação da culpa da empresa, a Justiça já bloqueou a conta e proibiu de pagar", reclamou José Roberto,que destacou que a Telexfree não possui nenhuma queixa no Procon.

Ainda segundo o líder do movimento em João Pessoa, “as pessoas estão saindo na rua para defender a empresa, se ela não prestasse, se fraudasse por que o povo estaria na rua? Em todo o país os franqueados estão saindo para a defesa. A Telexfree tem mudado a vida de milhares de brasileiros".

Os divulgadores afirmaram ainda que a matéria que será veiculada nacionalmente neste domingo, 30, não é verdadeira.

A Telexfree é uma empresa que utiliza a tecnologia Voip para realizar ligações para até 40 países e vende franquias com 50 linhas.

Para ler mais notícias do Araruna Online, clique em ararunaonline.com/noticias. Siga também o Araruna Online no Twitter e por RSS.

Fonte: WSCOM Online

 

 

 

Tópico: ÚLTIMAS INFORMAÇÕES DA TELEXFREE' DOMINGO, 30/06/2013. VEJA TAMBÉM DIVULGADORES FAZEM PROTESTO EM TODO O PAIS. CONFIRA:

Data: 18/09/2013

De: Anderson

Assunto: exército

Dentro do Comando está cheio de colaboradores

Data: 06/09/2013

De: Rede Intelig

Assunto: redeintelig@outlook.com

Amigos,

Sugiro dar uma olhada no site www.redeintelig.com.br. É uma rede de consumo onde o consumo gerado no site gera percentuais para a rede.

O site está na etapa de divulgação e não cobra nenhuma taxa de adesão.

Sugiro dar uma olhada.

Abraço a todos.

Data: 04/07/2013

De: Veja as últimas notícias telexfree

Assunto: Fraude?

As últimas notícias telexfree não são boas.

Telexfree é fraude?

Lembrando marketing multinível é um modelo de negócio e existe mais de 40 anos no mundo com leis e normas e não tem nada a ver com pirâmide e infelizmente tem a sua imagem manchada por algumas empresas usando o nome do marketing multinível de forma errada.

http://harmonianatureza.com.br/veja-as-ultimas-noticias-telexfree/

Novo comentário


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!