Um olhar sobre a eletrizante primeira semana de “Amor à Vida”

27/05/2013 09:09

AMOR À VIDA

amor a vida

Novo sucesso das nove?

“Amor à Vida”, com autoria de Walcyr Carrasco e direção geral de Mauro Mendonça Filho, estreou no horário das 21h na Rede Globo. O novo folhetim teve uma primeira semana de dar inveja a qualquer escritor e diretor de novela, com núcleos bem desenvolvidos e um ritmo eletrizante. Drama, humor, ação, de tudo tem um pouco, no melhor estilo Walcyr Carrasco.

A emissora platinada tem comparações interessantes a serem feitas, exibiu o grande sucesso “Avenida Brasil” e depois, a ‘morna’ “Salve Jorge”. Será que agora a fórmula foi ‘decorada’? Pelas cenas iniciais, digamos que a agilidade, as câmeras ‘nervosas’, a enorme empatia do vilão, se comparam com a trama de João Emanuel Carneiro.

Os destaques positivos da nova trama até aqui são fáceis de listar: o grande vilão Félix (Mateus Solano), o bissexual enrustido vem roubando a cena na novela e logo no primeiro capítulo mostrou a que veio ao jogar a sobrinha recém-nascida numa caçamba de lixo; o personagem já está sendo ‘carinhosamente’ aclamado por “bicha má” e “nova Carminha” – comparação com a vilã de “Avenida Brasil” – pelos telespectadores do folhetim. Personagens como a protagonista Paloma (Paolla Oliveira), a periguete Valdirene (Tatá Werneck), a ex-chacrete Márcia (Elizabeth Savalla), e o ‘confuso’ Ninho (Juliano Cazarré), também merecem ser lembrados pelas boas atuações.

Destaque negativo fica sem dúvida para a voz de Daniel na música “Maravida” da abertura, nada contra o cantor, mas a abertura alternativa com Maria Bethânia se encaixou muito mais.

Falhas? Surgiram! E cá entre nós, sempre surgirão. Vale lembrar que mesmo a própria “Avenida Brasil”, tendo feito estrondoso sucesso e já ter sido eternizada pelo público, também teve falhas, ou vocês não se lembram do famoso pen-drive de Nina, ou melhor, da ausência dele? Pois é, nada é perfeito, e se os erros forem razoáveis e inconstantes, dá para relevar.

Em seus seis primeiros capítulos, a trama se mostrou envolvente, intensa e já de imediato fisgou os noveleiros do país; se continuar com esse ótimo ritmo, será o suficiente para recuperar a audiência perdida do horário. E em se tratando de Carrasco, é bem possível.

As opiniões expressas aqui são de responsabilidade do autor do texto, e não reflete a opinião do site TV Foco.

Redação do chorrochoonline.com

Fonte: TV foco


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!