VEREADOR DE CURAÇÁ DENUNCIA AGRESSÃO POR SARGENTO DA CIPE-CAATINGA

30/04/2013 13:54

 

 

Theodomiro Mendes (Presidente da Câmara Municipal de Curaçá) e vereador Deroaldo Junior.

O presidente da Câmara Municipal de Curaçá, Theodomiro Mendes e o vereador Deroaldo Junior, popular Junior do Esporte, estiveram na redação do Blog nesta terça-feira (30) denunciando que na madrugada da última sexta-feira (26), quando retornava de Petrolina na BA-210, após assistir um jogo da seleção de futsal na Copa promovida pela TV Grande Rio, o vereador Junior do Esportes alega ter sido agredido com um soco no rosto pelo Sargento da Cipe-Caatinga Germano, durante uma abordagem militar nas proximidades da balança, ainda em território juazeirense.

Júnior declarou que recebeu um soco no rosto apenas por ter pedido calma e dito que todos que se encontravam no veículo eram cidadãos. “Por conhecer a forma de operação da Cipe-Caatinga, que grita e fala alto nas abordagens, argumentei que a gente era cidadão de bem e que no veículo estavam apenas familiares. O Sargento Germano respondeu de forma irônica que ele também era cidadão e sem nenhum motivo me agrediu. Eu disse a ele que iria tomar as providências e este respondeu que eu poderia processá-lo - Meu nome é Sargento Germano”, relatou o parlamentar curaçaense.

O presidente do Legislativo, Theodomiro Mendes, justificou que os vereadores e familiares estavam num veículo oficial da Câmara, chapa branca e por esta razão o parlamento já adotou algumas providências, inclusive, de denunciar o policial baiano ao comando da corporação. "Enquanto eu estiver investido na condição de presidente daquela Casa não vou permitir esse tipo de atitude de quem é pago para manter a ordem. Ai a gente questiona os seus superiores, qual é a orientação que os comandantes estão passando para os seus comandados?. Essa pessoa que estava à frente da guarnição tem preparo psicológico para tal? Afirmo que não, porque se tivesse não teria agido dessa forma", declarou Theodomiro.

O fato já é de conhecimento do Comando da Polícia Militar da Bahia e o comandante da Cipe-Caatinga, Major Soares, justifica que a versão do policial é outra e que o mesmo deverá se pronunciar nas próximas horas. 

 

 Redação do chorrochoonline.com

 Fonte: Blog dom Geraldo José                                                                                                                   


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Design profissional
  • Criação super fácil

Este site foi criado com Webnode. Crie o seu de graça agora!