Canudos: Companhia promete mais de 700 empregos em construção de parque eólico

16/09/2021 14:32
Canudos: Companhia promete mais de 700 empregos em construção de parque eólico
Foto: Divulgação / Voltalia

Mais de 700 empregos diretos são esperados com a implantação de um parque eólico em Canudos, no Sertão do São Francisco. A iniciativa é da Voltalia, empresa internacional do ramo de energia renovável. Segundo a companhia, o projeto deve empregar em torno de R$ 15 milhões em ações socioambientais na região, o que inclui a conservação e preservação da Arara-azul-de-lear, espécie nativa, além de cursos de qualificação profissional para a comunidade e outras iniciativas.

Em pareceria com o Senai [Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial], a companhia informou que oferece cursos gratuitos profissionalizantes destinados aos moradores de Canudos e Jeremoabo.

“Os nossos investimentos não são apenas para o empreendimento. A Voltalia é uma empresa de energia renovável que tem como alguns dos princípios a preservação ambiental e o desenvolvimento socioeconômico nas suas áreas de atuação. Tem sido assim no Rio Grande do Norte há 15 anos e na Bahia, não poderia ser diferente. Além do empreendimento, estamos investindo em projetos sociais e nos programas de Conservação da Arara-azul-de-lear e Replantio do Licuri”, diz Robert Klein, CEO da Voltalia no Brasil.

A companhia declarou ainda que doou equipamentos para área da saúde e cestas básicas para a comunidade na região de Canudos, como forma de minimizar os impactos da Covid-19. A Voltalia atua desde o desenvolvimento de projetos até a venda de energia.

Atualmente, a companhia possui quase 1 GW em operação e construção, localizado principalmente no Rio Grande do Norte, onde tem o maior cluster híbrido (eólico e solar) do mundo, com potencial de até 2,4 GW. 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!