Internacional Filipinas decretam alerta máximo depois de ameaça de erupção vulcânica

15/01/2018 21:38

 

As Filipinas estão em alerta máximo devido ao vulcão Mayon, que segundo especialistas pode entrar em erupção de maneira iminente após ter liberado, durante o final de semana, espessas nuvens de cinzas e forçar o deslocamento de milhares de pessoas. (Foto ilustração)

A agência sismológica das Filipinas (PHIVOLCS) elevou nesta segunda-feira para "crítico" o nível de alerta perante a possibilidade deste vulcão, situado ao leste do arquipélago e a cerca de 350 quilômetros de Manila, expulsar rios de lava sobre populações e campos.

Mayon teve uma erupção pela primeira vez na tarde de sábado, liberando nuvens e cinzas, e o organismo estatal, que no domingo decretou nível 2 ("crescente preocupação"), decidiu aumentá-lo para 3 nas últimas horas.

Depois da primeira erupção ocorreram outras duas, que provocaram 158 desprendimentos de rochas e o deslocamento em massa de mais de mil pessoas em um raio de 6 quilômetros.

Hoje, o raio foi ampliado para 7 quilômetros, e o número de pessoas deslocadas subiu para 12.044, informou à Agência EFE a porta-voz do Escritório de Defesa Civil da província de Bicol, Rachel Ann Miranda.

 

www.chorrochoonline.com

Fonte: Bahia na Política


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!