Paulo Afonso sedia Seminário Territorial de Formação Continuada nesta sexta (22)

22/11/2019 11:40

Educadores, diretores escolares, dirigentes dos Núcleos Territoriais de Educação e estudantes de Paulo Afonso, Ribeira do Pombal e cidades vizinhas participam do Seminário Territorial de Formação Continuada – Fazeres e Saberes, que acontece nesta sexta-feira (22), no auditório da Universidade do Estado da Bahia (UNEB), em Paulo Afonso. O encontro terá início às 8h e visa a troca de experiências entre as unidades escolares e educadores.

 Visualização da imagem

Ao todo serão realizados 12 encontros, um em cada Polo Formativo que sediou as atividades da Formação Continuada promovida pelo IAT, contemplando os 27 Territórios de Identidade da Bahia. Cinco seminários já foram realizados nos polos de Itabuna, Salvador, Seabra e Feira de Santana, que abrigou dois encontros. O último está previsto para acontecer em Irecê, no dia 9 de dezembro.

Segundo a diretora geral do Instituto Anísio Teixeira, Cybele Amado, os Seminários Territoriais buscam promover a troca de experiências entre os educadores e a socialização de conhecimentos em relação aos conteúdos trabalhados na Formação Continuada e que impactaram a prática pedagógica em sala de aula. “Esta troca de conhecimento é fundamental, pois acreditamos nos territórios colaborativos e sabemos que juntos encontramos os melhores caminhos para o fortalecimento das aprendizagens”, informou.

Formação Continuada

Por meio do IAT, a Secretaria da Educação está promovendo a Formação Continuada de diretores escolares e coordenadores pedagógicos da Rede Estadual de Ensino, além das equipes técnicas dos NTE. Esta ação tem como foco o fortalecimento das aprendizagens dos estudantes, em especial os que estão entre o 6º e o 9º ano.

Diretora Pedagógica do Instituto Anísio Teixeira, Diana Melo explica que a Formação Continuada tem como pilares o currículo, a avaliação e a prática pedagógica. “Este ano realizamos quatro encontros formativos em que trouxemos para pauta as funções, rotinas e práticas inseridas na atuação dos diretores e coordenadores com foco na gestão das aprendizagens, além de temáticas como currículo e avaliação como indutores do planejamento para as escolas e a leitura como disparador para a resolução de problemas”, informou.

  Esta ação alcança cerca de 2,3 mil profissionais da educação. Mas, o número já tende a aumentar após o início da Formação Continuada para os municípios em Regime de Colaboração. A expectativa é alcançar cerca de 6 mil profissionais da educação. Em 2020 a Formação Continuada chegará, também, a todos os professores via Educação a Distância (EaD).

 

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!