Super partido deve receber filiações no Estado inteiro

28/09/2021 08:49
Foto: divulgação

Em todo o Interior de Pernambuco a repercussão ainda é grande quanto à filiação do prefeito de Petrolina Miguel Coelho ao Democratas. Como em toda eleição, a dança das cadeiras e a nova arrumação partidária ficam ainda mais efervescentes.

 

O comentário do presidente nacional do Democratas, ACM Neto, com relação à fusão entre DEM e PSL atiçou quem já tinha uma ideia na cabeça e uma solução distante.

Neto disse que o deputado federal Luciano Bivar será o presidente nacional da nova legenda e que o novo partido deverá ter saída e entrada de novos filiados.

Quando a fusão as concretizar, teremos algumas saídas. Aqueles que não tiverem sintonizados e satisfeitos com o que foi pensado, vão sair. Quando a janela abrir, muitos não vão ficar. No mês de março, vamos receber governadores, prefeitos e pré-candidatos, e só lá vamos ter a real necessidade do partido. Fizemos entendimento com o presidente Bivar, vamos desenhar qual é o formato ideal para o novo partido em todos os Estados. Em alguns já sabemos, mas em outros não. O objetivo não é o tamanho do partido agora em outubro, mas em março, e quem vai entrar nessa nova legenda, não quem vai sair“, disse.

Em, Pernambuco inteiro o ‘super partido’, que nasce com tempo de televisão e fundo partidário maior que todos os demais, deve ganhar filiações em praticamente todos os municípios.

O novo partido terá presenças exponenciais como Mendonça, Luciano Bivar e o deputado Fernando Filho. Eles vão ter peso não apenas aqui, mas no nacional, para que o partido cresça. Queremos um partido grande no Brasil e em Pernambuco, que faça o próximo governador do Estado“, discursou ACM Neto.

 


Crie um site com

  • Totalmente GRÁTIS
  • Centenas de templates
  • Todo em português

Este site foi criado com Webnode. Crie um grátis para você também!